Links de Acesso

Advogado de Patrice Trovoada vai apresentar queixa-crime contra procurador-adjunto

  • Óscar Medeiros

Patrice Trovoada

Patrice Trovoada

Procuradoria-Geral da República convocou Patrice Trovoada, mas advogado do líder da ADI não foi recebido por indisponibilidade do procurador-adjunto.

O advogado do Lider da ADI, partido na oposição em São tomé e Príncipe, anunciou que vai introduzir uma queixa-crime contra o Procurador-Adjunto do Ministério Público que convocou o seu constituintem, Patrice Trovoada, através de um edital afixado em vários locais do país para interrogatório no âmbito de um processo em segredo de justiça.

Para Agostinho Fernandes, trata-se de um acto de difamação e perseguição política contra Patrice Trovoada.

O advogado lamenta ainda que o referido edital está a ser distribuído por partidos políticos, de mão em mão dos cidadãos "como um panfleto que nada tem a ver com o seu objectivo".

Fernandes deslocou-se à Procuradoria-Geral da República à hora marcada pelo procurador-adjunto para, em representação de Patrice Trovoada, responder ao mandado, mas, segundo disse, "ele estava indisponível" para receber o advogado.

XS
SM
MD
LG