Links de Acesso

Advogado de Nito Alves brutalmente espancado

  • Manuel José

Sem advogado? Nito Alves após libertação

Sem advogado? Nito Alves após libertação

Polícia libierta cerca de 300 pessoas presas nas manifestações de sábado em Luanda.

O advogado do jovem activista Nito Alves foi brutalmente espancado pela polícia, confirmou a Mãos Livres a organização para a qual trabalha.

Zola Ferreira foi interceptado por elementos da polícia e depois espancado, segundo revelou Salvador Freire, da “Mãos Livres”.

Ferreira deverá acompanhar Nito Alves ainda esta semana quando o adolescente se apresentar em tribunal para responder a acusações de injúria a titular dos órgãos de soberania, facto que originou a sua prisão a 12 de Setembro.

Entretanto porta-voz da Polícia Nacional angolana disse hoje que todas as 292 pessoas presas durante as manifestações de sábado foram libertadas.

As prisões aconteceram após a polícia ter impedido a realização da programada manifestação da UNITA contra o rapto de Isaias Cassule e Alvez Kamulingue.

A polícia que tinha saído às ruas de Luanda no sábado em grande força abandonou agora esses locais e a capital regressou à normalidade.

Os dois principais partidos da oposição, UNITA e CASA CE, prometem reagir formalmente aos acontecimentos nesta terça-feira, 26.

Até agora o MPLA manteve o silêncio.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG