Links de Acesso

Actriz Meryl Streep "ataca" Donald Trump nos Globos de Ouro


Meryl Streep com o seu Globo de Ouro respeitante ao Prémio Carreira Cecil B. DeMille na 74a Cerimónia Anual dos Globos de Ouro em Beverly Hills, California, Jan. 8, 2017.

Meryl Streep com o seu Globo de Ouro respeitante ao Prémio Carreira Cecil B. DeMille na 74a Cerimónia Anual dos Globos de Ouro em Beverly Hills, California, Jan. 8, 2017.

Streep disse que quando os poderosos usam o seu poder para fazer bully "todos perdemos"

Não constituiu uma supresa para ninguém que o Presidente-eleito americano fosse alvo de piadas durante a cerimónia de entrega dos prémios Globos de Ouro que ontem decorreu em Beverly Hills. O seu estilo conservador, e as suas posições anti-imigramtes e anti-imprensa tornaram-no num alvo preferido de muitas vedetas do mundo do espectáculo.

Por exemplo, ontem à noite o apresentador da cerimónia, o conhecido comediante Jimmy Fallon, suscitou as risadas do público dizendo que os Globos de Ouro eram um dos pouco locais na América onde ainda se reconhecia o voto popular. Ele referia-se ao facto de Donald Trump ter sido eleito Presidente com menos votos que a sua adversária Hillary Clinton, algo que só é possivel porque de acordo com a Constituição americana o Presidente não é eleito por voto directo mas sim por um Colégio Eleitoral.

Actor Hugh Laurie recebeu o Globo de Ouro para Melhor Actor Secundário numa série de TV pelo seu papel em "The Night Manager" na 74a cerimónia anual dos Globos de Ouro em Beverly Hills, Califórnia

Actor Hugh Laurie recebeu o Globo de Ouro para Melhor Actor Secundário numa série de TV pelo seu papel em "The Night Manager" na 74a cerimónia anual dos Globos de Ouro em Beverly Hills, Califórnia

Quanto ao actor britânico Hugh Laurie, que recebeu o prémio de melhor actor secudnário numa série televisiva disse que estes Globos de Ouro "podem bem ser os últimos porque contêm as palavras Hollywood, estrangeiro e imprensa no título".

Mas a grande sensação foi o discurso da actriz americana Meryl Streep que recebia o prémio Carreira Cecil B. DeMille. Streep chegou ao palco falando num fiozinho de voz que mal se podia ouvir. Disse ela: "perdi a minha voz gritando e lamentando-me durante o fim-de-semana e perdi a cabeça um pouco antes".


A actriz proseguiu, "Houve uma interpretação este ano que me deixou estupefacta. Não porque foi boa, não houve nada de bom a seu respeito,mas foi eficaz e consegui o objectivo. Foi o momento em que a pessoa que vai ocupar o lugar mais respeitado do nosso país imitou um repórter deficiente. Chocou-me porque não era um filme, era a realidade".

Trump reagiu hoje no Twitter,descrevendo Streep como uma das actrizes mais insufladas de Hollywood e uma admiradora ferrenha de Hillary Clinton.


Esta manhã o jornal, The New York Times referia que Trump disse que não tinha assistido à entrega dos prémios ou aos comentários de Streep, mas salientou que não estava surpreendido pelo facto de "liberais do cinema" o terem atacado.

XS
SM
MD
LG