Links de Acesso

EUA vão continuar programas de ajuda em Angola

  • Isaías Soares

Embaixador Christopher McMullen num campo de desminagem em Malanje (Foto Isaías Soares)

Embaixador Christopher McMullen num campo de desminagem em Malanje (Foto Isaías Soares)

Desminagem e saude são as áreas de envolvimento americano

O embaixador dos Estados Unidos da América em Angola, Christopher McMullen confirmou em Malanje a continuidade dos programas de desminagem e de combate à malária em curso no país.




O diplomata falava no termo de uma visita realizada ao campo de desminagem de Cangando, 16 quilómetros a sudoeste desta capital, onde a ONG Ajuda Popular da Noruega está a limpar uma área de 226 mil e quinhentos metros quadros.

“Para este projecto desde o início da nossa assistência nos meados dos anos 90, como 96 nós proporcionamos quase 100 milhões de dólares”, confirmou

Trinta e seis minas anti-pessoal e duas minas anti-tanque foram retiradas do local desde o início das operações em Julho de 2012.

Nas operações foram usados meios mecânicos e manuais. Em breve prev~e se a chegada de ratos gigantes treinados a farejar minas.

Quanto a saúde, a cargo da empresa angolana Consaúde com dinheiro da agência de ajuda internacional dos estados Unidos, USAID, de acordo com Christopher McMullen o financiamento ronda em 20 milhões de dólares americanos desde o início do programa.

“Eu acho que cada ano nós proporcionamos com 18 milhões de dólares para combater a malária em Angola, mas isso é só uma parte da nossa colaboração com o Ministério da Saúde porque o total da nossa assistência para a saúde em cada ano é como 80 milhões de dólares”, disse, acrescentando que “consiste também para assistência para combater a SIDA, a pólio e outras doenças”.

Durante a sua visita a Malanje o embaixador americano reuniu-se com os responsáveis seniores da Consaúde no escritório provincial, visitou o Hospital Geral de Malanje e avistou-se com os secretários provinciais da Unita, António Pedro Magalhães e da Convergência Ampla de Salvação de Angola – Coligação Eleitoral (CASA – CE), Raimundo Nhanga Dala.

Esta Quarta-feira, antes de deixar a cidade de Malanje comitiva esteve no paço episcopal da Igreja Católica, onde foi recebido pelo arcebispo local, Dom Benedito Roberto e mais pelo governador e secretário provincial do MPLA, Norberto Fernandes dos Santos “Kwata Kanawa” em dois momentos separados.

Um encontro com uma organização feminina da igreja católica encerrou a agenda antes de se deslocar às Quedas de Calandula, muma viagem missão turística.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG