Links de Acesso

Samakuva faz campanha no Leste


Isaías Samakuva num comicio da UNITA no Saurimo (VOA)

Isaías Samakuva num comicio da UNITA no Saurimo (VOA)

Líder da UNITA lamentou o rosto social degradante, e as promessas não cumpridas pelo partido no poder

O presidente da segunda força politica nacional saída das eleições de 2008, esteve esta semana, em uma digressão ao leste do País que compreende as províncias das Lundas Norte e Sul e Moxico.
Na quarta-feira, Isaias Samakuva, esteve em Saurimo, onde presidiu a um comício de massas. Centenas de militantes simpatizantes e amigos da Unita, participaram numa passeata que começou no mercado Portão do Leste, que liga a estrada Malanje Saurimo ao centro da cidade.
Na sede do partido Samakuva, foi recebido com aplausos e grandes manifestações culturais.
Ao tomar palavra, o dirigente da Unita, começou por agradecer a presença de todos quantos ai se encontravam e falou dos objectivos da sua vinda a Lunda Sul e ao leste no geral.
Samakuva apresentou ao povo da Lunda Sul e militantes do Pprtido, o manifesto eleitoral e o programa de governo, na hipótese de a UNITA passar a governo.
Lamentou o rosto social degradante, das promessas não cumpridas pelo partido no poder e disse que no governo da Unita, o salário mínimo nacional será de 50.000 kuanzas correspondente ao equivalente em USD 500.
Prometeu casas condignas, combate à corrupção e assimetrias regionais, prometeu luz e água, aposta na agricultura como alavanca do desenvolvimento e defende o empresariado eficaz.
Samakuva, saiu satisfeito pelo numero de militantes que arrastava pelas artérias da cidade de Saurimo,
O líder do Galo Negro garantiu politicas públicas no tratamento das autoridades tradicionais, das forças armadas, policia nacional e segurança interna.A questão de Cabinda, dos antigos combatentes e vários outros sectores chaves para o desenvolvimento de Angola.
O mais importante para a Unita, disse, é que os angolanos se sintam donos das riquezas de Angola
XS
SM
MD
LG